"rbtribuna") Por el final de las absurdas fronteras (políticas, sociales, burocráticas, económicas...) que aún subsisten entre España (singularmente Galicia) y Portugal...y que tanto perjudican a la ciudadanía ibérica

Comboio semanal unirá as fábricas de Seat, em Barcelona, e a Volkswagen Autoeuropa, em Palmela

O grupo Wolkswagen-Seat vai ligar, através de um serviço ferroviário semanal, as fábricas de Martorell, em Barcelona, e a Volkswagen Autoeuropa, em Palmela, a partir deste mês, reduzindo as viagens rodoviárias e as emissões de dióxido de carbono (CO2).
“A Seat dá mais um passo em frente na sua estratégia ‘Move to Zerø’, com um novo serviço ferroviário que liga a sua fábrica de Martorell (Barcelona) à fábrica da Volkswagen Autoeuropa em Palmela”, anunciou, em comunicado, a fabricante automobilística.
Este serviço vai funcionar, a partir deste mês, uma vez por semana, estando previsto o transporte de 20.000 veículos por ano, evitando 2.400 viagens de camião e reduzindo em 43% as emissões de CO2.
Segundo a mesma nota, esta nova linha vai permitir que os veículos cheguem diretamente à Autoeuropa, de onde serão transportados de camião para o depósito de distribuição, na Azambuja.
No regresso, o comboio irá transportar os veículos fabricados em Palmela para o porto de Barcelona, de onde serão distribuídos, por estrada, para Espanha e Sul de França, e, por navio, para outros destinos do Mediterrâneo.
A Seat adiantou ainda que, a partir de 2023, o comboio deverá ser reforçado com mais carruagens.
“O comboio é um meio de transporte amigo do ambiente, rentável e eficiente, razão pela qual este novo serviço entre as fábricas de Martorell e Palmela nos ajuda a progredir no nosso objetivo de reduzir a nossa pegada de carbono no transporte de veículos”, afirmou, citado no mesmo documento, o vice-presidente da produção logística da Seat S.A., Herbet Steiner.