"rbtribuna") Por el final de las absurdas fronteras (políticas, sociales, burocráticas, económicas...) que aún subsisten entre España (singularmente Galicia) y Portugal...y que tanto perjudican a la ciudadanía ibérica

Comisiones Obreras aboga en Valença por trenes de proximidad interfronterizos



O Presidente da Câmara Municipal de Valença reuniu, esta segunda-feira, com os responsáveis do Setor Ferroviário CCOO (Confederación Sindical de Comisiones Obreras), da Galiza. O encontro serviu para este setor apresentar o seu plano de melhoria do serviço ferroviário das linhas do Minho e Atlântica.

Durante o encontro, foram destacadas as recentes melhorias realizadas na rede portuguesa e espanhola que continuarão com os orçamentos previstos e foi abordada a necessidade de expandir, nas zonas fronteiriças, os serviços ferroviários de proximidade para garantir a continuidade da ligação com os comboios de longa e média distância do Eixo Atlântico e de Portugal.

Entre outras coisas, os responsáveis pelo Setor Ferroviário CCOO pretendem lançar uma ligação de Vigo para Lisboa, fundamental para melhorar os serviços locais, a ligação ao Eixo Atlântico e dinamizar o tráfego ferroviário internacional.

Propõe, ainda, que hajam ligações ferroviárias entre as estações de Valença e Tui, dada a sua singularidade fronteiriça, disponibilizando uma tarifa especial entre si e a um custo simbólico para favorecer os fluxos turísticos e a mobilidade da população.

Por fim, a implementação do sinal 5G (Tui-Valença) deve ser tida em conta na reabilitação das estações e na melhoria da informação comercial da passagem de comboios e na gestão de outros meios de transporte e serviços complementares.